Published in

Associação Brasileira de Pós-Graduação em Saúde Coletiva, Ciência and Saúde Coletiva, 4(20), p. 1245-1254, 2015

DOI: 10.1590/1413-81232015204.00792014

Links

Tools

Export citation

Search in Google Scholar

Effectiveness of the Live Births Information System in the Far-Western Brazilian Amazon

This paper is made freely available by the publisher.
This paper is made freely available by the publisher.

Full text: Download

Question mark in circle
Preprint: policy unknown
Question mark in circle
Postprint: policy unknown
Question mark in circle
Published version: policy unknown
Data provided by SHERPA/RoMEO

Abstract

O Sistema de Informação de Nascidos Vivos (SINASC) foi implantado no ano de 1990 com o objetivo de fornecer dados sobre as características de nascidos vivos para o estabelecimento de indicadores de saúde específicos. Objetivo: O presente trabalho avalia a qualidade da informação do SINASC quanto à incompletude dos seus dados e da cobertura para cinco municípios do estado do Acre nos anos de 2005 e 2010. Métodos: Foi calculada a incompletude (definida como dados em branco/ignorado) de cada variável, assim como a cobertura desse sistema através da comparação com as estatísticas do Registro Civil, segundo município de residência da mãe. Resultados: Observou-se um aumento da incompletude da maioria das variáveis e uma diminuição da cobertura de 2005 para 2010 no conjunto dos municípios avaliados, destoando dos resultados obtidos na maioria dos estudos que utilizam o SINASC como fonte de dados. Conclusões: Os resultados deste trabalho apontam para a importância da contínua capacitação e também para o incentivo ao preenchimento dos dados de forma correta e completa, bem como a conscientização da importância do SINASC para as políticas públicas de saúde.