Published in

Revista do Professor de Física, 3(2), p. 59-75, 2018

DOI: 10.26512/rpf.v2i3.19950

Links

Tools

Export citation

Search in Google Scholar

A Construção Do Conceito De Inércia Em Uma Comunidade Investigativa

This paper was not found in any repository, but could be made available legally by the author.
This paper was not found in any repository, but could be made available legally by the author.

Full text: Unavailable

Green circle
Preprint: archiving allowed
Green circle
Postprint: archiving allowed
Question mark in circle
Published version: policy unknown
Data provided by SHERPA/RoMEO

Abstract

O presente trabalho tem por objetivo apresentar uma sequência didática produzida para fornecer um aporte teórico e histórico para o professor que ensina inércia aos estudantes da primeira série do Ensino Médio. A incorporação conceitual ocorrida deve marcar os indivíduos de forma significativa e, para tal, buscou-se o entrelaçamento da teoria da aprendizagem de Ausubel com a metodologia das comunidades investigativas propostas por Lipman. Trabalhar com tirinhas e histórias em quadrinhos é uma forma de ambientar o estudante ao conceito, conforme proposto por Ausubel, uma vez que, ao visualizar a imagem proposta, o indivíduo resgata lembranças de suas vivências que se assemelham à situação apresentada. As avaliações da sequência didática apontaram um aprimoramento conceitual em relação aos indicadores iniciais.